domingo, 15 de abril de 2018

13º Encontro de conselheiros (as) e ex - conselheiros (as) tutelares da região da baixara maranhense foi sucesso.

Foto Reprodução
Foi realizado em Cururupu nos dias 11, 12 e 13 de abril de 2018, o décimo terceiro (XIII), encontro de conselheiros (as) e ex - conselheiros (as) tutelares da região da baixara maranhense, que objetiva Capacitar os conselheiros tutelares da região da Baixada maranhense. O evento contou com apresentação das mais diversas autoridades, lideranças, além de Conselheiros Tutelares presentes no evento por município, bem como o pronunciamento das autoridades presentes. 

O evento foi coordenado pelo Conselho Tutelar de Cururupu e realizado pela Associação de Conselheiros e Ex-Conselheiros Tutelares do Estado do Maranhão (ACECTMA). 

Dando continuidade a esse processo a ACECTMA, realiza um Encontro Estadual de Formação anual, como forma de manter viva a mobilização e articulação em prol dos Direitos de Crianças e Adolescentes no Estado do Maranhão, momento este de reflexo, discussão e articulação para diagnosticar a atual realidade dos conselhos Tutelares do maranhão além de traçar as estratégias de superação dos entraves para fortalecimento da ACECTMA, desta vez a cidade que sediará o encontro é a cidade de Cururupu localizada na região do litoral ocidental maranhense. 

Em Cururupu, a primeira palestra: “Atuação do SGD na prevenção e enfrentamento ao abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes”, o palestrante foi o Dr. Márcio Tadeu – Promotor de Justiça Assessor Especial da Procuradoria Geral de Justiça; 

Já a segunda palestra foi “As leis contra os crimes sexuais”, ministrada pelo palestrante: Dr. Ivan Marques, Advogado, Ex-Conselheiro Tutelar de Vitória do Mearim-MA, Coordenador Nacional de Formação dos Conselheiros Tutelares e representante do Maranhão no FCNCT. 

Os participantes consideraram positiva a execução do encontro de formação e definiram que as politicas voltadas as crianças e adolescentes precisam ser fortificadas a cada dia não somente como proposta de planos de governo mas como politica afirmativa de execução. 

Assim também como elogiaram as apresentações e o projeto bombeiros mirins que é coordenador pela vereadora Mulher Maravilha na cidade. 

Conhecendo Melhor a ACECTMA

No Maranhão em 1998 havia 29 Conselhos Tutelares implantados, em varias discussões percebeu-se que os problemas eram comuns e que se fazia necessário à criação de um instrumento para articulação e fortalecimento dos Conselhos Tutelares, surgindo nesse momento a REDE de Conselhos Tutelares do Maranhão. No decorrer desses anos a REDE promoveu inúmeras capacitações, assembleias, encontros e seminários. 

Em 2004, durante o X Encontro Estadual de Conselheiros Tutelares com ampla discussão fora criada a Associação de Conselheiros e Ex-Conselheiros Tutelares do Estado do Maranhão (ACECTMA), objetivando articular Conselheiros Tutelares, Ex-Conselheiros Tutelares e Conselhos Tutelares pela efetivação da garantia de direitos de crianças e adolescentes, para tanto se faz necessário que houvesse uma união com esse objetivo comum. 

Sendo que em assembleia Geral da ACECTMA realizada em 27 de março de 2009, na Cidade de Imperatriz, cidade localizada no sul do Maranhão a qual é a segunda maior cidade do estado, durante um dos encontro estaduais de conselheiros tutelares do Maranhão, foi excluído o termo REDE, ficando a partir desse momento “ACECTMA” Associação de Conselheiros e Ex-Conselheiros Tutelares do Estado do Maranhão. 

A ACECTMA é administrada por uma coordenação colegiada estadual, instância de representação formal, responsável pela execução de suas finalidades e encaminhamentos das deliberações das assembleias gerais; A coordenação é constituída por 05 (cinco) membros titulares e 05 (cinco) adjuntos, escolhidos segundo critérios de divisão regional da ACECTMA, contemplando a representação de cada Região.