domingo, 16 de outubro de 2016

CORPO DE HOMEM DESAPARECIDO É ENCONTRADO DENTRO DE CAEIRA ONDE SE QUEIMA CARVÃO.

Homem é morto e tem corpo colocado em caeira em sito do município de Cururupu.

O senhor Joaquim Silva de 42 anos, que estava desaparecido desde a última quarta feira dia 12/10, quando saiu de sua residência para tirar juçara no mato do sítio Berlim e não retornou mais pra casa. Durante a semana muitas pessoas saíram em busca do homem que não temos até o momento o nome e idade, ate os bombeiros da cidade de Pinheiro vieram para tentarem localizar o homem, mas nada foi encontrado.

Segundo a PM “Os familiares e populares continuaram com as buscas e o corpo de Joaquim Silva foi encontrado hoje dia 16/10, por volta das 11:00h da manhã por populares, em uma cova de caeira de carvão já morto e em estado de decomposição, no mato do sítio Berlim”.

A crueldade do agressor em executar um homem e colocar o corpo em uma caeira. Nas caeiras coloca-se madeira para ser queimada e extrair apos alguns dias o carvão, nos interiores se fazem as caeiras, ou seja, covas compridas e largas de aproximadamente 30 à 40 cm de profundidade pra queimar a madeira.

As policias até o momento não deram nenhum tipo de informação além das mencionadas pela PM de Cururupu.

Ontem a noite foi colocado fogo em uma residência onde morava uma pessoa que populares acreditam que seja de um dos agressores de Joaquim Silva, o corpo de bombeiros foi chamado, mas como fica á mais de 100 km de distancia não se teve muito que fazer para pagar o fogo.

O município de Cururupu está sem delegado e casos semelhantes já vimos em agosto de 2009, quando o Pingola foi alvejado e o seu agressor agredido pela população e a delegacia destruída pela falta de presença do estado naquela ocasião.