segunda-feira, 30 de junho de 2014

TRAFICANTES PRESOS: ELIAS MALUCO E FABRÍCIA.

A Polícia Civil de Cururupu prendeu em flagrante do casal, Cleilson Lisboa Abreu de 29 anos, conhecido como “Elias maluco” e a esposa dele, Fabrícia Silva Pinto de 23 anos. Eles foram conduzidos pelos investigadores Augusto e Helen, conhecida por Mulher Maravilha, pela grande atuação na região contra o tráfico de drogas.
Elias e Fabríci
A prisão ocorreu às 6hs desta segunda-feira (30) na casa do casal, no bairro Brasília no município de Cururupu a 465 km de São Luis. A cerca de um mês, os policiais civis vinham investigando as praticas criminais de Cleilson que é apontado como um dos maiores traficantes de droga de Cururupu.



Com os acusados foram apreendidos 99 pedras de crack e R$ 285 em dinheiro trocado, caracterizando o trafico, alem de 2 celulares, facões e 2 cordões de prata. Cleilson foi autuado por trafico e está a disposição da justiça na delegacia de Cururupu e Fabrícia, por associação ao tráfico, está a disposição da justiça no 1º DP de Pinheiro. As informações foram adquiridas junto ao Investigador Ronny Carlos

segunda-feira, 16 de junho de 2014

ASSEMBLEIA DE DEUS: LANÇAMENTO DO 1º CD DA CANTORA CLÉIA LEITE.


CANTORA CLÉIA LEITE.
No ultimo sábado (14) a Igreja Assembleia de Deus estava em festa com o lançamento do 1º CD da cantora gospel Cléia Leite, com o titulo “minha história uma adoradora” que a musica de trabalho é a mesma do titulo.

O CD contem 10 faixas, que transmitem toda a historia de vida e fé de Cléia Leite. A fé, adoração e louvores direcionados a Deus, através de um conjunto de letras e melodias que fazem o cristão refletir sobre as suas ações e o poder de Deus na vida das pessoas.

A cantora, destacou em entrevista que a sua vida é uma prova do amor de Deus, que ele sempre agiu em seu favor, e que as 10 faixas do Cd, marcam toda a sua historia de vida, de uma mulher adoradora, que sendo cururupuense muitos não acreditavam no seu potencial mas agora deus mostra como prepara os seus.   

Cléia Leite falou dos apoiadores como o pastor Amara Camilo que é o ancora da Igreja Assembleia de Deus em Cururupu, assim como a sua família. Na oportunidade compareceram dirigentes, cantores e pastores da região, que já contrataram o show da cantora gospel.


AMERICANOS FAZEM TRABALHO SOCIAL EM CURURUPU.

Os missionários americanos Tj Helsel, Debbie Bebler e o tradutor Ramon, afirmaram ao programa Comando Geral da radio Alvorada FM, apresentado por Claudio Mendes. Os missionários afirmaram que a 5 anos trabalham em Cururupu principalmente nas comunidades rurais quilombolas.

Em parceria com a 1ª Igreja Batista de Cururupu, os missionários do Mississipi (região do Gulf Lfport), vem ao Brasil trazerem filtros para a população quilombola já que as mesmas não dispõem de água filtrada e de qualidade. O trabalho é fortificado através do projeto Água Viva, desenvolvido nas comunidades de Rumo Santa Maria e Fortaleza, no município de Cururupu e Iteno em Serrano do Maranhão.

Para os missionários as dificuldades enfrentadas são grandes, mas com a participação de todos, a realidade estará sendo renovada, pois Deus pediu que se levasse a sua mensagem a todos é o que eles fazem.


A equipe de missionários chegaram em Cururupu no dia 12 de junho e voltaram para os Estados Unidos no dia 19 de junho.

ASSALTO: CASA DE SHOW É ASSALTADA.

ASSALTO: CASA DE SHOW É ASSALTADA.
Depois de investigação pessoal, Casa de Show foi assaltada na noite do ultimo domingo(15), por homens armados, que fugiram levando os recursos arrecadados, os valores ate o momento não foram informados.

A casa de shows identificada como Vieirinha, fica cerca localizada no bairro Beira do Campo II ou Vila Liconde como foi identificada pela Câmara de Vereadores de Cururupu.

Na oportunidade, a casa de show recebia uma grande atração que tem referencia no norte e nordeste do Brasil, o que deve ter chamado a atenção dos ladrões apesar do péssimo aparato policial do município para estas situações.  

A policia já tem os nomes dos suspeitos do crime, o valor ainda não confirmado gera em torno de R$ 10 mil reais.  


PM, RECEBE CRITICAS: ASSALTANTE FOGE DE DENTRO DA SEDE DA PM DE CURURUPU.
Na ultima semana o policiamento militar, recebeu bastante ocorrência, e uma das que se destaca é a situação, de um mototaxista que reconheceu o autor de um assalto, realizado no dia 04 de junho a outro mototaxista.

O autor do crime chamou o mototaxista para buscar farinha na região do Pé de Galinhas e depois mudou a história, já não era mais farinha e sim ração na mesma região. O mototaxista reconheceu pelas características, roupas, e pela conversa que já tinha sido aplicada em outro mototaxista.

Neste momento o mototaxista, que não quer ser identificado, leva o assaltante ate o policiamento militar, informa aos policiais, ninguém fez nada e o assaltante fugiu, isso tudo aconteceu na sexta-feira(07). Somente depois da fuga que os PMs de plantão tentaram recapturar o assaltante.


MÃE VAI PARA FESTA E DEIXA TRÊS CRIANÇAS EM CASA, O CASO PAROU NO CONSELHO TUTELAR.

O policiamento militar foi acionado pelo conselho tutelar, na noite do domingo(08) por volta de 1 hora da manhã, para irem ate o bairro de Pitombeira. Os conselheiros receberam a informação que havia três crianças entre 4, 3 e 1 ano e meio de idade, em residência, as crianças estavam sós e chorando bastante.


Segundo as informações dos policiais de vizinhos, a mãe tinha ido para a festa e deixado as crianças sós. Na chegada dos policiais e dos conselheiros, a mãe tinha chegado minutos antes mais ainda estava com os trajes que usará na festa, a mesma foi convocada a comparecer no conselho tutelar, no dia seguinte.

sexta-feira, 6 de junho de 2014

FIM DO JÚRI: LUIS CARLOS FOI CONDENADO À 16 ANOS E 3 MESES DE PRISÃO.


Luis Carlos
 Terminou agora pouco a sessão do júri, do caso Luis Carlos e Diana de Fátima. Luis Carlos foi condenado a 16 anos e 3 meses de reclusão em regime fechado em Pedrinhas. A sentença foi anunciada, pelo presidente do júri, juiz Celso Serafim.

Luis Carlos estava todo tempo com uma bíblia nas mãos. O PM nas suas acusações, fez referencias fortes, também usando a bíblia sagrada, de modo a tocar nos membros do conselho de sentença da necessidade de condenar o acusado, Francisco de Assis sustentou a tese de homicídio duplamente qualificado. Já a defesa Drª Ana Lucia, sustentou a a causa de diminuição da pena, ou seja, homicídio privilegiado. 

Muitos populares participaram da sessão no sentido de saber qual seria o destino de Luis Carlos. Depois do resultado da sentença Carlos se ajoelhou e orou, em seguida, recebeu os seus familiares foram ao seu encontro e o cumprimentaram. Celso Serafim, também cumprimentou o condenado.

O esquema de segurança contou com varias viaturas da PM, e o reforço da Policia Civil do município. Luis Carlos foi levado para a delegacia de policia de Cururupu de onde aguardará o dia da transferência para a penitenciária de Pedrinhas ou outra com perfeitas condições.  

QUASE NO FIM: CONSELHO DE SENTENÇA ESTÁ REUNIDO.

Luis Carlos prestou depoimento afirmando que não queria fazer o que fez, e pediu perdão, e que está muito arrependido e pediu a Deus que o abençoasse e a alma de Diana. Também afirmou que fugiu da delegacia por terem tentado contra a vida dele.

Depois dos debates entre acusação e defesa, a acusação não quis a réplica que obrigaria a defesa a ir para a tréplica.

Neste momento o conselho de sentença esta reunido com o magistrado, defesa e acusação para responderem os questionamentos.

Todas as pessoas estão do lado de fora da secretaria municipal de saúde, para que o conselho de sentença do tribunal do júri faça o seu papel. Só lembrando, que dentre os sete do conselho tem 6 mulheres e 1 homem.

JÚRI RECOMEÇA .

As testemunhas de acusação dão depoimentos, uma das conselheiras de sentença fez uma pergunta que ajudou no entendimento dos fatos. Luis Carlos esta durante todos os momentos com uma bíblia grande nas mãos.

Luis Carlos volta para sentar-e ao lado de sua advogada no tribunal do júri e ouvirá os depoimentos em sua defesa.

A defesa e a acusação apresentarão 3 testemunhas cada, de um total de 5 esperadas.


Neste momento Luis Carlos senta no banco dos réus, mas o juiz Celso Serafim o perguntou se queria mais tempo para conversar com a sua advogada e ele afirmou que sim, o juiz decreta paralisação da sessão do júri.    

COMEÇOU O JÚRI POPULAR, CASO LUIS CARLOS E DIANA DE FÁTIMA: TESTEMUNHAS E DEPOIMENTOS.


Os jurados que não compareceram pagaram multa de 1 (um) salário mínimo.

O júri de Luis Carlos começou as 9 horas da manhã desta sexta (06), que senta no banco dos réus em virtude do crime contra a vida Diana de Fátima, em 2005. O acusado passou muitos anos fugindo da justiça que dentro do processo democrático coloca em evidencia nesta sessão do tribunal do júri, o ato cometido.

Os jurados faltosos (que não compareceram) pagaram multa de 1 (um) salário mínimo, os membros do conselho de sentença estão incomunicáveis, pois  os celulares estão em poder do judiciário, para que se mantenha os direitos constitucionais da ação, o conselho de sentença é composto por 6 (seis) mulheres e 1 (um) homem, total sete pessoas. O PM e a defesa dispensaram uma testemunha cada já que uma não esta na cidade e a outra apresentou atestado.

Neste momento os familiares da vitima (Diana de Fátima) estão acompanhando todos os acontecimentos, o pai, a mãe, os irmãos e demais parentes. Ate o momento testemunhas de acusação já deram depoimentos, sendo dois homens e uma mulher. O acusado está em um lugar reservado por pedido das testemunhas.

BANDIDOS OUSADOS: ROUBAM LOJA ENTRE DELEGACIA E POLICIAMENTO MILITAR.

MAIS UMA LOJA É ASSALTADA NA CIDADE.

Loja que fica há menos de 60 metros da delegacia e 70 do policiamento militar é assaltada.
O Loja Via Boutuque  que fica na rua Ático Seabra, foi assaltada na ultima terça-feira(03). Segundo informações dos proprietários o assalto aconteceu as 22horas, mas os mesmo só foram avisados por volta das 03horas da manhã da quarta-feira(04), por vizinhos.

O policiamento civil foi comunicado, um dos envolvidos foi preso e algumas roupas foram recuperadas. Entre a delegacia e o policiamento militar fica apenas uma quadra onde funciona o estabelecimento comercial de vestuários, o prejuízo chegou a R$ 2.000.00 (dois mil reais).

Silvilene e Silvimary Almeida Delgado
Proprietárias da Loja
Silvilene Delgado, proprietária da loja “está super indignada pois as mesmas reclamaram na delegacia de policia civil, que capturou um dos assaltantes, mas não buscaram os demais compassas na ação criminosa”.

A sócia Silvimary Almeida Delgado, também esta decepcionada com a ação dos ladrões, além da falta de respostas do serviço de investigação. Pois as mesmas amargam um prejuízo de mais de 2 mil reais.

MOTOTAXISTAS PEDEM SOCORRO: ASSALTOS À MOTOTAXISTAS ESTÃO SENDO CONSTANTES NOS ÚLTIMOS DIAS.

ASSALTOS EM CURURUPU.

Nos últimos dias os mototaxistas da cidade estão a cada dia, amedrontados, e não conseguem mais trabalharem direito. O motivo, é o numero de assaltos a estes profissionais que buscam facilitar a mobilização da população.

O fragilizado policiamento militar, não tem como oferecer o policiamento ostensivo e evitar os crescentes números de assaltos não só aos mototaxistas.

Em menos de 3 semanas 9 mototaxistas foram assaltados na cidade, principalmente em lugares ermos onde oferecem boas condições para os assaltantes. 0.428 assaltos para cada dia e três por semana.

O mais complicado para estes trabalhadores é o registro da ocorrência na delegacia de policia, que pode variar entre 2 e 48 horas.


Triste realidade para Cururupu.

quinta-feira, 5 de junho de 2014

OPA! DEU PARA ELA MAIS UMA VEZ: PREFEITURA MANDA LIMPAR AS FOSSAS DA DELEGACIA.


Depois de denuncias da atual realidade da delegacia de policia de Cururupu, o representante do Ministério Público e o delegado Marcio Leite falaram ao blog e a radio alvorada FM sobre o assunto.

Os parlamentares vendo a complexidade dos fatos, convidaram o delegado Marcio Leite para participar da sessão da ultima segunda-feira(2) e explicar o que estava acontecendo, mas o problema não foi resolvido.

O atual prefeito de Cururupu Junior Franco, ordenou a limpeza das fossas, pois o limpa fossas, fez a limpeza de todos os dejetos das duas fossas. Então o problema que o estado não solucionava, a prefeitura resolveu contratando 

CURURUPU JÚRI POPULAR: LUIS CARLOS MATOU A ESPOSA DIANA DE FÁTIMA A FACADAS, VAI A JÚRI POPULAR.

Acusado de matar esposa é levado a júri popular após nove anos.
Luis Carlos Silva Costa
No dia 08 de fevereiro de 2005, uma quarta-feira de carnaval, por volta das 8 horas da manhã, o Luis Carlos Silva Costa, de 29 anos, esfaqueou a esposa, Diana de Fátima Costa França, também de 29 anos, com aproximadamente 8 facadas.

O homicídio ocorreu após uma discussão entre o acusado e a vitima, o motivo da discussão, segundo os autos, foi que a vitima Diana de Fátima Costa França teria passado o dia fora de casa, e após as discussões, o acusado Luis Carlos Silva Costa deu-lhe diversas facadas na região torácica da vitima.

Nos autos, Luis Carlos afirma que, após ter dadas as facadas na vitima, fugiu, levando consigo a filha para a casa de sua mãe adotiva, dona Alair. Depois, o acusado ligou para Miranda para que este informasse ao Santunes Filho, irmão da vitima, sobre o ocorrido.

Luis Carlos se apresentou à policia no dia 10 de fevereiro de 2005, ou seja, dois dias depois do crime, mas, no dia 29 de agosto do mesmo ano, Luis Carlos fugiu da delegacia de policia de Cururupu, sendo recapturado na cidade de Ananideua do estado do Pará, no dia 23 de fevereiro de 2014.

Os autos apontam que Luis Carlos será julgado por homicídio qualificado, pelo recurso que dificultou a defesa da vitima, ou seja, a vitima, Diana de Fátima, não teve como se defender do seu algoz.

A primeira tentativa de realização do júri, Luis Carlos não estava preso e não houve porque estava foragido, agora já está tudo pronto para o júri, e o que pode acontecer é não ter o júri nesta sexta-feira (06), caso não apareça  lá por motivo da policia não lhe apresentar perante o Tribunal, já que o mesmo já está a disposição da justiça do Maranhão, mas ainda este ano acontecerá.

Francisco de Assis Promotor
A Tese – O Ministério Público na época tinha a seguinte tese: crime por motivo fútil e pela impossibilidade da vitima se defender, ou seja, homicídio duplamente qualificado. Mas o Juiz da época, Clésio Cunha, desqualificou o crime de motivo fútil e o representante do MP não recorreu da decisão, permanecendo, assim, a tese do homicídio qualificado de um único crime de impossibilidade da vitima se defender. O processo de Luis Carlos tem 361 paginas divididas em 2 blocos.

Francisco de Assis Promotor
O promotor de justiça Francisco de Assis Silva Filho, afirmou que “tem muitas informações, provas e fotos da vitima para que levar o réu a condenação”.

Para Francisco de Assis, a desqualificação do motivo fútil pelo magistrado deixou o processo mais vulnerável, ainda mais pela justificativa do magistrado que afirmou nos autos, “que todo fim de um relacionamento gera ira de morte”, mas isso não impede de que se prove a tese de homicídio qualificado pela impossibilidade da vítima se defender do acusado.

Na época o crime causou grande comoção social na cidade, pois, tanto a vitima quanto o acusado, eram bem relacionados com a população, assim como os familiares da vitima. O acusado era vendedor de jornais de três grandes jornais da capital no município.

A advogada Ana Lucia de Sousa Araújo, que defenderá o Luis Carlos, foi procurada, mas não foi encontrada pela nossa equipe. A Drª. Ana Lucia de Sousa Araújo é advogada da ativa, ou seja, nomeada pelo estado para defendê-lo.

Do crime – Se Luis Carlos for julgado por homicídio qualificado, ele será submetido a uma pena de 12 a 30 anos de prisão, mas, se a defesa desqualificar de qualificado para simples, o mesmo será submetido a uma pena de 6 a 20 anos de prisão.

O júri começará, às 8 horas desta sexta-feira(06), no auditório da secretaria municipal de saúde, que deve ser presidida pelo juiz Celso Serafim, logo na sequencia deverá ter os debates.

No Júri - Primeiro a acusação se manifestará representada pelo promotor Francisco de Assis representante do MP, e em seguida a defesa representada pela advogada Drª. Ana Lucia de Sousa Araújo, que é nomeada pelo estado.

Havendo necessidades, mediante as falas de acusação e defesa, poderá haver réplica para o representante do MP e tréplica para a Advogada Ana Lucia de Sousa Araújo. As expectativas apontam para um total de 10 testemunhas sendo 5 de acusação e 5 de defesa. Para então, o juiz consultar o conselho de sentença e dá o veredito. 

quarta-feira, 4 de junho de 2014

MAIS UMA VEZ ELE: PM E PC EM OPERAÇÃO PRENDEM JÓ.

Na tarde da ultima segunda-feira a PM e Policia Civil de Cururupu realizaram incursões pelo bairro de Fátima, com o objetivo de prender o elemento mais conhecido como Jó. O meliante está escondido em uma residência no referido bairro e quando os policiais chegaram não deram chance do mesmo fugir.

O Jó, confessou o crime de roubo a Lojas Lumar na cidade de Cururupu onde levou vários celulares, tablet, furadeiras, planadeiras, radio FM, dentre outros, o prejuízo aos proprietários da Lojas Lumar chegaram a quase 6 mil reais, segundo a policia.

As policias já apuraram que o Jó não cometeu o crime sozinho, que um indivíduo identificado como Cachorro que já é conhecido da policia o ajudou na ação.

CNJ AFASTA JUIZ DO TJ DO MARANHÃO QUE ASSEDIOU CANDIDATA EM CONCURSO.

Na primeira reunião após anúncio da aposentadoria, Barbosa não comenta decisão.  

POR CAROLINA BRÍGIDO
O GLOBO 
Jaime Araújo
BRASÍLIA - O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) determinou nesta terça-feira o afastamento do desembargador Jaime Ferreira de Araújo, do Tribunal de Justiça do Maranhão, de suas atividades. Ele foi punido em processo disciplinar por ter mantido conduta incompatível com a magistratura. Como integrante de uma banca examinadora de concurso para magistrados, ele assediou uma candidata no momento da prova oral.

A decisão foi tomada logo após a conselheira Ana Maria Amarante ter feito curta homenagem ao presidente do CNJ, ministro Joaquim Barbosa - que, na semana passada, anunciou sua aposentadoria antecipada em sessão do Supremo Tribunal Federal (STF), órgão do qual também é presidente. Na sessão desta terça-feira, ele não fez nenhum comentário sobre a decisão, nem mesmo depois das palavras da conselheira. Barbosa fica no cargo até o fim do mês e deve participar de outras sessões do CNJ.

No julgamento do magistrado maranhense, Barbosa também ficou calado. Na hora de votar, limitou-se a seguir o voto da relatora, a ministra Maria Cristina Peduzzi, que havia votado pela punição do desembargador. Ele teve o cargo colocado em disponibilidade e continuará recebendo vencimentos proporcionais ao tempo de serviço.

Um grupo de conselheiros defendia a aposentadoria compulsória de Ferreira, mas a pena mais branda acabou vencedora.

- No processo, ficou demonstrado que o magistrado Jaime Ferreira de Araújo valeu-se da posição de avaliador para estabelecer diálogos impróprios com a candidata, fazendo perguntas de cunho pessoal e afetivo. Os fatos narrados no processo dão conta da configuração de assédio sexual. O desembargador estava numa posição em que não poderia ter agido dessa forma, era o examinador da banca. Houve incompatibilidade do comportamento do magistrado com os padrões éticos exigidos - declarou Gisela Gondin, que votou pela aposentadoria compulsória.

- Ele era parte da banca e não se comportou de maneira adequada - concordou a conselheira Luiza Frischeisen.

O conselheiro Gilberto Martins também considerou a conduta do desembargador “inadequada e inconveniente”. Deborah Ciocci ponderou que essa era a única falta do magistrado em muitos antos de carreira. Portanto, seria mais conveniente aplicar a pena mais branda.


- Tantos anos de magistratura e ele só teve esse problema. Opto por uma pena menor - disse a conselheira.

Jaime Ferreira de Araújo, também prestou serviços a comunidade cururupuense e recebeu o título de cidadão dos municípios de Buriti e Cururupu.

terça-feira, 3 de junho de 2014

O PROMOTOR DE JUSTIÇA FRANCISCO DE ASSIS FALOU AO BLOG CURURUPU EM DESTAQUE.

DELEGACIA PODE SER INTERDITADA, AFIRMA PROMOTOR.
O promotor Francisco de Assis afirmou que é uma situação lamentável. Tem-se que observar três situações, conforme as fotos mostradas em seu blog, inclusive já tinha lido seu blog antes desta entrevista. Primeira, a questão da limpeza e higiene da delegacia, onde se observa esta delegacia cheia de mato, com baratas e ratos recém-nascidos... é lamentável, portanto, com relação a esta situação de limpeza e higiene da delegacia não é o caso do MP (Ministério Publico) ajuizar uma ação civil pública para compelir o estado a higienizar uma delegacia, isso cabe ao seu próprio responsável, a exemplo da prefeitura, do fórum de justiça e da promotoria, que preservam, no mínimo, suas limpezas. Isso é inadmissível que em um órgão público se encontre ratos recém-nascidos, baratas, justamente no quarto onde os funcionários da delegacia dormem, é lamentável, é preciso que se tenha já um mínimo de ação, que se faça pelo menos a pintura com cal, isso não vai custar mais de R$ 100,00 (cem reais).

Nós temos lá, na delegacia, uma média de 40 (quarenta) presos, presos que estão cumprindo sentença e presos provisórios. Eu duvido que se convide qualquer preso para fazer uma capina, em troca de sua manhã de liberdade, que não aceite esta proposta, pois é um beneficio para ele diminuir um dia de prisão a cada três dias de trabalho. Então? Eu acho que o responsável pela delegacia tem que ser mais enérgico, pelo menos, nesta questão de limpeza e higiene. É uma questão que eu, lamentavelmente, teria vergonha de ajuizar uma ação civil publica, pedindo ao estado do Maranhão, através da governadora Roseana Sarney, para que ele (o estado) mande alguém fazer uma limpeza na delegacia de policia de Cururupu. O que eu recomendo é que as pessoas que tomam conta da delegacia providenciem esta limpeza, pelo menos, no mínimo.

Quanto à questão da água que os presos usam para tomar banho, observa-se que é uma cisterna que falta a tampa de cimento de no máximo 40 por 40 centímetros. Sinceramente, não dá para entender que se deixe uma cisterna dessa aberta, obviamente, vão cair ratos naquela cisterna, insetos, além de outros animais peçonhentos e, é claro, que a água vai ficar contaminada. É visível que uma pessoa não possa tampar o buraco. Será que não se pode encontrar uma pedra grande e colocá-la na boca da cisterna? Se coloca um papelão ou qualquer outra coisa. Isso não seria caso do ministério publico ser acionado para compelir o estado do Maranhão a colocar uma tampa ou uma pedra na boca de uma cisterna, tudo para ratos, baratas ou qualquer inseto caírem na água onde os presos e funcionários da delegacia se servem.

Quanto à fossa, que requer um pouco mais de gastos, mas também se observa que há uma despreocupação dos responsáveis. Tudo bem, que se deve buscar o estado para construir uma nova fossa, mas é de se observar antes por que a fossa está enchendo. Não é caso de se contratar um desses caminhões limpa-fossas? Cujo contrato para tanto não chega a R$ 200,00 ou R$ 300,00? E como ela está enchendo muito, por que não se contrate por duas vezes ao mês, que equivaleria a R$ 500,00 por mês?

Eu quero informar que todos os órgãos públicos, principalmente, dos estados, têm um adiantamento, que é um recurso que o estado manda para todos os gestores: promotor, juiz, delegado, etc., cujos valores vão de R$ 1.000,00 a R$ 2.000,00 reais, mensais, tudo com finalidade de se manter os órgãos do estado funcionando regularmente. Além desses recursos, obviamente a delegacia também deve receber, o MP, utilizando-se de transações penais oriundas de multas aplicadas a infratores, encaminhou a mencionada delegacia a quantia de aproximadamente, só o mês passado, o valor de R$ 4.000,00. Então, espero que as coisas preliminares, as coisas básicas dessa delegacia devem ser resolvidas pela própria gestão de seu responsável. Fica uma coisa tão caótica que a sociedade pode pensar que o promotor é inerte, que o promotor não está fazendo nada, deixando a coisa pegar fogo. Acontece que eu não posso chegar lá, na própria delegacia, e resolver estas coisas básicas, é que eu não tenho o poder de gerir outro órgão, pois sou responsável pelo funcionamento regular do MP, aqui em Cururupu. O que vocês estão vendo, no blog “Cururupu em Destaque”, é lamentável e ridículo, o nascimento de dois ratos dentro da delegacia. Eu, sinceramente, espero que as autoridades de lá da delegacia possam resolver os problemas urgentes. Não sejam inertes, pois isso cria um clima de que as coisas estão jogadas paras as cobras, que ninguém toma conta, mas vocês podem resolver todas as situações mostradas neste blog, não só a nível de estado, como também dos próprios esforços dos funcionários que ali estão.

Quanto fossa, tem que se chamar um pedreiro para resolver o seu problema, além de contratar um caminhão limpa-fossa, pelo menos, por duas vezes ao mês, evitando se deixar um esgoto a céu aberto, prejudicando toda a comunidade, pois aquela água, que desce toda na a rua, enquanto as pessoas ficam colocando os pés nela, pensando que é uma água limpa, na verdade é de um esgoto. Caso persistir o problema, vou encaminhar um oficio ao delegado, concedendo-lhe um prazo exíguo, para que ele possa resolver este problema interno, sob pena, quem sabe, de responsabilizá-lo.
 
Eu já ajuizei uma ação contra o estado para reforma da delegacia, algo bem maior, coisa mais séria, como a construção de um novo pavilhão do próprio condicionamento dos presos, questão de insalubridade, portanto serviços que necessitam de maiores gastos, inclusive com trabalho de engenharia, coisas que esses casos, que o blog mostra, não precisa de tanto dinheiro, precisa, ao contrário, de esforço e entendimento que aquilo está nojento demais.

Ajuizei, recentemente, uma ação judicial contra o estado para a reforma da delegacia, inclusive com a mudança do local da fossa, pois onde a mesma se encontra é prejudicial à saúde dos presos, já que a separa deles somente uma parede. Se isso persistir, vou dá um prazo para o delegado e para o estado, caso não resolva os problemas, vou ajuizar uma ação judicial para que se interdite a delegacia de policia, assim como eu fiz com o matadouro daqui. O responsável pela delegacia tem que tomar as providências cabíveis, pois, do contrario, ajuizarei uma ação para interditar a delegacia de policia. Eu acho que o Dr. Celso Serafim, o juiz da Comarca, vai entender a situação e vai deferir esta liminar. É inadmissível esta situação e principalmente a questão preocupante é a da fossa.

Francisco de Assis afirma que do jeito que estar a pergunta da matéria: Delegacia deve ser interditada? Do jeito que está não tem as mínimas condições de funcionar, só que, às vezes, agente toma decisões precipitadas sobre coisas que se podem resolver administrativamente. Só que a interdição da delegacia é prejudicial aos presos e aos seus familiares, nenhum familiar quer a interdição da delegacia, pois os presos vão para longe, então faço de tudo para que não ajuizar pedido de interdição da delegacia, que é tão danosa contra a população, mas, caso não se resolva o problema, não há solução, a não ser a interdição. Vejam: MATÉRIA DA DELEGACIA DE CURURUPU

DELEGADO MARCIO LEITE FALA DA SITUAÇÃO DA DELEGACIA DE POLICIA DE CURURUPU...

MARCIO LEITE
Marcio Leite Delegado da Policia Civil 
 Estrutura Delegacia - na verdade a estrutura precária no prédio ainda se mantém, houve algumas melhoras em relação às carceragens porque o promotor e o juiz da cidade, sensíveis com a nossa situação homologaram algumas transações penais no juizado especial aplicaram algumas multas para as pessoas pagarem e destinarem para o prédio da delegacia para pelo menos fazerem mini reforma, não é o prédio todos por que é muito dinheiro para se reformar o prédio todos, o que esta se precisando é muita coisa.

Mas pelos menos haviam paredes rachadas, grades cerradas ou sendo cerradas, a estrutura do banho de sol, elem do forro que era de PVC por onde os presos fugiam, tudo isso facilitaria a fuga dos presos, foi necessário contratar um serviço de metalúrgica, para fazer uma grade de metal para que os presos não fujam mais, que isso foi um serviço de R$ 3.000,00 (três mil reais) que foi quase todo o orçamento que nos chegou através das sentenças judiciais, dessa ajuda do poder judiciário e do ministério publico, mas a secretaria de segurança foi informada através de ofícios.

Marcio Leite Delegado da Policia Civil
Escrivão Alexandre
Esgoto - Com relação ao esgoto que corre pelas ruas já fizemos ofícios informando junto através da secretaria de segurança, só este ano já foram oficializado 2 (duas) vezes solicitamos uma reforma nas carceragens, o prédio em si, o muro que fosse aumentado e inclusão de certa elétrica de qualidade já que o mesmo é muito extenso e as reformas das fossas cépticas, porque as duas fossas foram feitas de forma amadora por falta de conhecimento técnico e porque o piso delas são encimentados e não permite a drenagem para o subsolo, como são muitos presos tomam banho, fazem suas necessidades fisiológicas, logo as duas fossa da localidade não conseguem fazer o esvaziamento e transbordam principalmente no inverno e isso é um problema para nós por que dificilmente agente consegue um carro limpa fossa e quando a gente consegue é ajuda da prefeitura de Cururupu.

Marcio Leite – afirmou que já mandou 2 ofícios requisitando a reforma estrutural do prédio à secretaria de segurança publica do maranhão este ano, já informei através de ofícios o juiz Dr. Celso Serafim sobre a precariedade do prédio, tanto oficiei como falei pessoalmente, inclusive recentemente pedimos aos funcionários da Funasa para dedetizarem a delegacia. Eles colocaram um gás para matar os ratos justamente porque a situação aqui é de total insalubridade tanto para os presos como para nós quem visita e nós funcionários que estamos aqui constante mente. Com relação aos ratos a Funasa nos atendeu e fez a dedetização e alguns ratos já morreram muitos e já diminuiu muito graças a Deus.

Marcio acrescentou que com relação ao esgoto e estrutura o mesmo já pediu aos seus superiores, ele quer acreditar que ainda não foi atendido em virtude de uma questão de distancia, insuficiência financeira, mas estamos aguardando, eu lamento os constrangimentos que a população sofre. Pois no inverno o esgoto fica pior porque já que a água da chuva se mistura com a água do esgoto e vai para as ruas, mas eu crio que as providencias vão ser tomadas.

Marcio Leite Delegado da Policia Civil 
Marcio Leite – acrescentou que é de conhecimento de todos que não é função dos policiais civis custodiar presos, então os presos ficam a mercê essa insalubridade tanto pela falta de estrutura quanto porque aqui não é o local adequado e não termos a função legal de custodiar presos, com todo aquele problema de do complexo de Pedrinhas isso acarretou problemas para todo o estado o que eu quero dizer com isso, presos que eram sentenciados para poderem ir cumprir a sentença definitiva em Pedrinhas, inclusive hoje tem presos cumprindo pena aqui nesta delegacia, porque São Luis sequer tem vaga para recebê-los devido todo o problema que foi manchete nacional, e o prédio da delegacia não foi feito para custodiar presos, permanente mente que não é nossa função, quando na verdade os presos deveriam ser encaminhados para um prédio próprio da secretaria de segurança publica um pessoal qualificado para custodiar presos. Mas infelizmente não temos estes locais aqui na baixada, tem um em Pinheiro, mas já é super lotado. Esta situação acaba impedindo que a nós façamos as nossas funções de investigação de crimes e atendimento ao publico, fazer as nossas diligencias externas porque, quase que diariamente os presos adoecem e nós temos que leva-los ao serviço que saúde por que os presos adoecem com muita frequência em virtude da insalubridade da delegacia de policia de Cururupu, nós temos que organizar a visita de presos, e fazer vistorias dos visitantes e do prédio. Tudo isso toma muito o nosso tempo e acabam nos impedindo de realizar as nossas funções e atendimento ao publico que fica prejudicado por isso.

Marcio Leite Delegado da Policia Civil 
Ajuda - A ajuda do ministério publico e do judiciário nós ter mandado uns recursos das decisões judiciais, isso nos ajudou a conter uma rebelião que teve a dias atrás onde os presos quase derribam uma grades de uma das celas,  por que a bomba de água queimou e aqui faz muito calor principalmente nas celas, e eles estavam sem água o dia todo, então tivemos que comprar durante a noite após comercio fechar para a baderna não aumentasse. Mas graças a Deus nós tínhamos estes recursos, só para se ter, uma noção nós temos que trabalhar em expediente extra.


Marcio Leite - Olha com relação às autoridades municipais a segurança é de responsabilidade do estado, mas geralmente quem nos ajuda com o limpa fossa é a prefeitura e em outras questões que solicitamos, principalmente as questões urgentes que todas as vezes solicitadas elas nos ajudam. Pois a segurança é de responsabilidade do estado, Estado do Maranhão, acrescentou Marcio Leite.